Linguagem Ubiqua StartUpeira

Na noite de ontem (26/07/2012) tive a oportunidade de participar de mais um churrasco da RAIAR!, incubadora de empresas sediada no Prédio 94 do TecnoPUC e no campus Viamão da PUCRS.

É muito instigante falar com uma galera empreendedora e mais ainda é perceber que desde o último churrasco para agora, estabeleceu-se de fato uma linguagem ubiqua (*) StartUpeira –  Lean StartUp, Business Model Canvas, Running Lean, menos desperdício, cadeia de valor, sustentabilidade, pivot, eliminação de pressupostos, permeia a todo omomento as conversas e opiniões.

(*) Linguagem Ubiqua : Quando diferentes grupos ou equipes interagem constituindo uma “interlinguagem” com conceitos, elementos e interpretações comuns a todos, linguagem esta que precisa ser poderosa o suficiente para  potencializar a comunicação, facilitando o entendimento de fato e os acordos entre as partes de forma ágil e segura, com mínimo ruído.

Desde então, foi um prazer conhecer mais de perto vários deles, já como presenças constantes nos eventos do GUMA, no recente Open Space havido no TecnoPUC e outras oportunidades de networking e aprendizado, o pessoal da Develop IT, RockHead games, Cleaver, Egalité, Home Manager, Máxima Performance, entre outras (sediadas no campus POA e Viamão).


Uma incubadora é um mecanismo de estimulo ao empreendedorismo na medida em que proporciona um ambiente e orientações que visam dar condições especiais  para o fortalececimento de suas empresas nascentes (StartUps e SpinOffs), tentando reverter os dados do SEBRAE que indicam que mais da metade das micros, pequenas e médias empresas, fecham suas portas até o terceiro ano de vida.

Uma incubadora não é babá, não é sócia e nem “realiza” pelas StartUps, ela apenas orienta e insere em um ambiente que proporciona às diferentes empresas que compõe seu ecossistema alguns benefícios singulares, especialmente a nível de networking, de troca de experiências, parcerias e geração de conhecimento. A execução é puro empreendedorismo, pelos reais protagonistas, que se souberem aproveitar este habitat, irão antecipar e acelerar sua trajetória.

As primeiras incubadoras brasileiras surgiram na década de 80 e segundo a Anprotec (Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos de Tecnologia Avançada), existem hoje no Brasil cerca de 150 incubadoras  Estima-se em cerca de 1.100 o número de empresas residentes nessas incubadoras, o que  representa a geração de cerca de 6.100 novos empregos.

É visível a posição de destaque que a região Sul e o nosso estado tem neste contexto, mais que isto, para qualquer empresa ou profissional do TecnoPUC, some-se a estas oportunidades o fato de estar em um dos melhores e maiores Parques Tecnológicos da América Latina, convivendo com empresas do porte das  multinacionais TW, DELL, HP, Tlantic, entre outras tantas Gaúchas de destaque … É pura nitroglicerina !!!

Clique aqui para ler sobre auto-organização entre profissionais do TecnoPUC.

Um comentário sobre “Linguagem Ubiqua StartUpeira

  1. Pingback: Um ano e meio de blog – Obrigado galera! | Jorge Horácio "Kotick" Audy

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s