Mestrado em Gestão da Informação

Mestrado tem mais de princípios ágeis do que parece, “pesquisar algo que esteja na borda do conhecimento” não é inventar, nem revolucionar o mundo, muito menos ter a pretenção de ser o protagonista de algo inovador, o objetivo é colaborar, é tentar dar sua contribuição a uma linha já existente de pesquisa, é ver onde voce é mais útil, com humildade de quem esta iniciando uma estrada em um mundo em transformação, com mais a aprender do que ensinar …

  • aprender fazendo, estudando, palestrando, debatendo, construindo
  • escrever artigos científicos e participar de congressos da área
  • muita leitura e estudo sobre o que se esta pesquisando mundo afora
  • dezenas de mestrandos debatendo diariamente conceitos
  • participação bi-lateral em bancas de graduação e dissertação
  • estágio-docente, com um professor de graduação
  • proeficiência em Inglês (para mim, isso aqui é tenso …)
  • dois anos para definir o tema, propôr, planejar e fazer a dissertação

Vou aqui resgatar tres post de 2012 em que falo de tres escolas com as quais tenho identidade, o Construtivismo como base de meus valores escoteiros, em que cada pessoa possui sua individualidade e mecanismos próprios de aprendizagem e crescimento, o Anarquismo como direito de que todos somos iguais e que o poder imposto é um freio de mão ao crescimento e ao desenvolvimento do potencial de cada indivíduo, o Humanismo como oportunidade de auto-conhecimento, transparência, inspeção e adaptação.

Construtivismo

As aulas possuem uma abordagem construtivista, não somos alunos passivos, a cada semana teremos o desafio de ler artigos sobre temas que embasarão nossas pesquisas e em grupos devemos nos preparar para palestrar e debater com os demais, tendo os nossos mestres como coach em um processo de descoberta, onde a partir de novos insumos devemos não decorá-los, mas internalizá-los o suficiente para coletivamente cada um possa construir sua opinião sobre eles.

Tenho um antigo mas atual post sobre a escola construtivista, em especial sobre os ciclos de assimilação e acomodação, baseados no Princípio de Equilibração, clique aqui para lê-lo, pessoalmente acho muito instigante relembrar Piaget.

Anarquismo

Assim como a auto-organização preconizada pelos princípios e métodos ágeis, o anarquismo era uma filosofia política que discutia a eliminação das formas de hierarquia que não tivessem sido livremente aceitas, um modelo em que todos são tratados como iguais, assim nos sentimos em sala de aula, tratados como colegas, hora como professores, alunos e pesquisadores, recebendo coaching de nossos orientadores, mas tomando nossas próprias decisões e arcando com as consequencias.

A alguns meses fiz um post bem humorado em que traçava as semelhanças entre anarquismo, auto-organização e métodos ágeis, fiz até algumas camisetas com este tema, se quiser lê-lo, clique aqui, abrirá em outra janela.

Humanismo

Movimento intelectual que passou a entender a pessoa como um ser único e social, devendo buscar o auto-conhecimento para ser feliz, preceitos seguidos pelos princípios ágeis e no curso que agora inicio, em que cada um de nós deve ser capaz de auto-organizar-se, sem fórmula mágica, mas trabalho duro, através dos conceitos de congruência, empatia e aceitação, buscando sermos sinceros e realistas com nós mesmos e com os outros, e vice-versa, entendimento este para a busca dos caminhos para o crescimento e realização.

No post que escrevi sobre o humanismo procurei esclarecer seus conceitos primordiais de forma muito objetiva, se quiser lê-lo, clique aqui.

top001

2 comentários sobre “Mestrado em Gestão da Informação

  1. Jorge, bem vindo de volta à academia 🙂 para ti a proficiência será fácil, depois do Lean Startup Conference, nem precisarás do dicionário!
    Para os artigos posso te ajudar no que precisares, no mais é esquecer do mundo externo um pouco, baixar a cabeça e estudar, estudar muito, a única coisa que não poderás deixar de lado é a família, no mais “Viva Esse Mundo”.

  2. Pingback: Um ano e meio de blog – Obrigado galera! | Jorge Horácio "Kotick" Audy

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s