Morte as baias, trincheiras e gaveteiros o/

Morte as baias e aos gaveteiros, verdadeiras trincheiras, feudos onde seus senhores se protegem, chega da falsa sensação de segurança atrás de painéis estofados de cor bege, mesas oblíquas que na década de 90 foram adquiridas por verdadeiras fortunas, cheias de regulagens e configurações individualistas.

Morte as dezenas de salas em um único andar, paredes desnecessárias, também aos armários e quilos de papéis guardados a anos e que já amarelados nunca foram acessados neste ínterim, fim ao tralharedo armazenado em gavetas e bancadas e que quando perguntamos, ninguém sabe de quem é e para que serve.

Alguns se agarram a mesas grandes e gaveteiros, a uma distância segura de dois metros das mesas mais próximas, sonhando um dia ter uma sala individual e envidraçada, aquelas salas de “chefe”. Cada vez mais empresas abandonam tudo isso e investem em ambientes abertos, mesas enormes completamente livres e desimpedidas, onde gestores e equipes sentam-se lado-a-lado.

Ambientes Ágeis

A cada ano se consolidam ambientes mais amplos, abertos, pouco espaço pessoal e muito espaço comum, mesões coletivos sem gaveteiros nem divisões, cada vez mais laptops ao invés de desktops, ambientes descontraídos e cada vez mais inspiradores, espaços de descompressão, cozinha, copa e máquinas expressas.

Se por uma lado aproxima, simplifica e otimiza a comunicação e interação humana, é um grande desafio para os mais gritões e que nunca se importaram com questões comportamentais. Ambientes ágeis do século XXI exigem mais disciplina que salas, baias e mesas individuais do século XX, afinal, há direitos e deveres.

Cada um com espaço em um locker para poucas coisas pessoais protegidas e o restante é alçada dos times e grupo definir as regras necessárias de convivência, agilidade a cada momento, no ruído sob controle, no uso de espaços e objetos comuns, na cozinha, um treino cotidiano de auto-organização.

10731217_829769253742693_2837853123611110111_n

1460062_829769453742673_2846083446970006875_n

1610833_829769397076012_5799878047063303312_n

Ambientes ágeis e inspiradores são como os novos condomínios nos quais moramos, os apartamentos são menores do que sonhávamos no passado, mas o espaço comum tem espaço kids, sauna, piscina, fitness, cyber café, pets place, gazebos, espaço gourmet, salão de festas, etc.

Empresas que são os ícones desta nova ordem, como Google, Facebook, Yahoo, Pixar, Apple, etc, tem muito mais que isso em todos os aspectos, elas vão além, com espaços que são verdadeiros playgrounds … mas isso é outra história, o espaço vem acompanhado de outras responsabilidades e contexto.

Mesmo assim, a teoria da dissonância cognitiva sempre é uma verdade verdadeira, algumas pessoas frente ao diferente, a mudança, se encarregam de recusar, negar, transferir, racionalizar e tudo o mais que sabemos, inconscientemente gerando barreiras e restrições desnecessárias para fazer dar certo.

O importante é que esse caminho não tem volta, como nas vestimentas e no uso permitido de bermudões e sandálias, cancelando exigências insanas de roupa social em épocas do ano com temperaturas de até 40° em um país tropical … regras boas para o Norte do hemisfério Norte, curiosas para o Brasil.

Anúncios

2 Respostas para “Morte as baias, trincheiras e gaveteiros o/

  1. Mas sem gaveteiros onde que eu vou guardar minha escova de dentes? :/

    • A maioria das empresas de tecnologia vem adotando espaços abertos e a maioria utiliza lockers próximos as mesas, de forma que seja possível mover-se, trabalhar em pair ou pequenos grupos sem barreiras como gaveteiros ou mesmos patas das mesas … tem gente que curte, cada vez mais empresas adotam, mas tem gente que não curte … as escovas ficam no locker 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s