GUAN e IIBA – O imperativo da inovação (Gerdau)

Após mais de um ano hibernando, eis que está de volta o GUAN e o IIBA em um evento realizado na manhã mais fria de 2015 até aqui, com sensação térmica de sete graus. Lá estavam o Parzianello, Sardi, Giovani, Cesar, a Isabel e outros tantos participantes típicos de GU’s, que transformam compartilhamento de conhecimento em uma confraria que se renova a cada evento.

12006150_996354297084187_253025242106999365_n

O evento teve como palestrante único o Leonardo Comparsi de Oliveira da Gerdau, em uma inspiradora apresentação intitulada “O imperativo da inovação”. Durante mais de uma hora assistimos uma aula sobre o instanciamento de princípios e técnicas do Design Thinking em um poderoso Planejamento Estratégico de Inovação de uma das maiores empresas brasileiras e gaúchas.

Sempre é relevante entender como uma empresa de 45mil funcionários e 130mil clientes no segmento de aços planos e minério de ferro, atuante em vários países na construção civil, infraestrutura, automotivo, agropecuário e gestão ambiental desenvolve inovação de forma estruturada e capilarizada. Um modelo que ao invés de mostrar-se com o duplo diamante do design thinking do design council, usa um triplo diamante, onde temos:

Desafio – novas perspectivasideaçãoexperimentação – projeto

Sempre tem um sabor especial quando percebe-se uma abordagem lúdica, com um ppt bem elaborado, iniciando por fundamentos e cases históricos, sobre o que é inovação e qual é a velocidade de crescimento exponencial percebida na história da humanidade. Falou da crise do esterco dos cavalos na NY do ano de 1898, ano do primeiro anúncio comercial de automóveis da Winter Motor Carriage.

Se no século XX percebíamos uma nova tecnologia lançada com certa frequência, perceptíveis com destaque nos noticiários, no século XXI existem tantas novas tecnologias sendo lançadas e discutidas que é impossível acompanhar ou distingui-las, em dispositivos, IOT, mobilidade, energia, reciclagem, …

11986421_996372003749083_1825901556698073757_n

Ele falou sobre inovação estratégica, incremental, radical, tecnológica, aberta e um termo que eu não conhecia: Building Blocks, uma abordagem aplicada pela formação de agentes de inovação, profissionais de diferentes áreas e papéis dentro da empresa treinados e habilitados a usarem técnicas e ferramentas, puxando para si o incentivo, disseminação e endereçamento da inovação nascente de forma espontânea na empresa.

Uma inovação em resposta a desafios, a partir de necessidades ou proposição de cenários para até 20 anos, em produtos, serviços, aplicações, modelos de negócios, estrutura organizacional, modelo de gestão ou processos. Ele mostrou um vídeo de uma solução disruptiva em que a TESCO cria um supermercado virtual em metrô com fotos em tamanho real nas paredes com QRCode’s.

Outro vídeo, ainda mais inspirador, é uma solução em que os remédios já na dose exata, envelopada e descriminada conforme a receita é preparada para consumo. Imagine uma caixa com um rolo de envelopes de remédios já na ordem e prescrição impressas, onde o primeiro envelope para fora é o próximo a ser medicado … para idosos ou enfermos é conclusivo, derradeira solução, se tomou ou não tomou, com a indicação específica, clara e facilitada:

Ele nos apresentou imagens de técnicas aplicadas para ideação, dentre elas me chamou a atenção uma novidade para mim, o varal de ideias. O que poderiaser um varal com lençóis estendidos, onde a galera vai pendurando suas ideias, gerando nuvens de ideias durante o momento de divergência preconizado pelo Design Thinking, antes de debatê-las e iniciar a convergência.

Quase encerrando, apresentou princípios da inovação conforme sua percepção: Observar, conteúdo, associar, networking, questionar, arriscar, abertura, autonomia, experimentação, questionar as ortodoxias e desafiar o status quo. Toda a palestra me lembrou permanentemente o NAGI, conceitos de planejamento estratégico de inovação, princípios do Lean StartUp, a modelo criado é um mix de boas práticas atuais e comprovadas, implementadas de forma racional e enxuta, mas com foco em cultura e valor entregue.

Um evento imperdível, que contou com uma platéia em pequeno número, que chegou cedinho e agasalhada, mas que assistiu com atenção e proporcionou um bom debate, encerrado pelo avançado da hora e não por saturação … que venham os próximos  \o/

11226062_996371933749090_6284143517164019175_n

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s