A geração Y não está perdida, nem a deriva!

Conforme o mundo muda, a adolescência de cada nova geração é recebida pelo status quo como um desperdício, quer pela rebeldia, leniência, falta de interesse para com o que os mais velhos ou sapientes dizem que é importante. O que mudou é que hoje ao invés de termos os mais velhos reclamando da nova geração, temos também muitos novos fazendo coro, alguns porque acham que os jovens estão a deriva, outros acham que não sabem o que querem, desperdiçam oportunidades.

De novidade mesmo, é que muita gente transformou essa retórica em um bom negócio, bons artigos e conteúdos para mídia, com bom apelo e marketing digital, milhares de page views, serviços de coaching. Afora isso, nada mais é que repetição de argumentos relativos a quebras de paradigmas inerentes a juventude quando da entrada na graduação e no mercado de trabalho. Indecisão, angústias, anseios, a maior diferença é que a 80 anos os mais velhos decidiam sem perguntar, a 40 anos discutiam com direito a veto e hoje a galerinha tem opinião própria … um horror!

A grande Elis já cantava: “Ainda somos os mesmos e vivemos como nossos pais … nossos ídolos ainda são os mesmos e você diz que depois deles não apareceu mais ninguém … mas é você que ama o passado e que não vê que o novo sempre vem … hoje eu sei que quem me deu a ideia de uma nova consciência e juventude, tá em casa, guardado por Deus, contando vil metal“.

No passado os indícios de que a nova geração seria uma danação sempre foram por demais científicos e cabalísticos, pois os jovens passaram a não querer ser advogados, médicos nem engenheiros. Porque? Porque eram vagabundos ou porque queriam ser felizes ao invés de ganhar dinheiro? Porque não sabem o que querem ou o que querem não combina com o que os mais velhos querem? Porque eles gostavam de Rock n’roll e usavam camisetas T-shirt sem camisa social por cima? O fato é que agora eles tentam por si, se não gostam, tentam novamente, mas pensar que só por isso quer dizer que o mundo está perdido … sério?

O futuro da humanidade está sim comprometido, mas não especialmente pela geração Z, Y, X, Boomers ou Tradicionalistas, foi comprometido por todas, pela raça humana. Ecossistemas desequilibrados, espécies extintas, resultados e lucro a qualquer custo, desperdício, preguiça, estado e empresas predatórias, baseados no individualismo, consumindo e poluindo de forma desordenada sem remorsos. Aí, quando discutem o futuro, preocupam-se que a geração Y não é igual a eles e ainda não sabe qual o seu caminho … Cara, a geração Y vai achar seu caminho e eu gostaria muito que fosse diametralmente oposto aos que o precederam, mas lá no fundo sei que com o tempo vão se ajustar e só vai ser um pouquinho diferente.

Tenho 50 anos e não é a primeira leva de jovens que vejo serem acusados de indecisos, rebeldes ou folgados … Isso mudará em breve, quando eles estiverem dando as cartas, pois acredite, eles criarão muitas empresas (já estão criando), algumas serão maiores que todas as que as precederam, terão bons empregos, farão grandes coisas, terão crises de meia-idade, serão eleitos e entrarão na política. Não sei se serão a geração que mudará tudo ou continuará rumo a extinção, mas achar que não farão nada só porque não querem fazer o que os estabelecidos querem que eles façam é MUUUUUITA ingenuidade.

O tempo é inexorável, só anda para a frente e cada geração traça seu curso, sempre inicia tentando mudar, é inevitável, hormônios e adrenalina, não fosse e talvez ainda estivéssemos na idade da pedra. Novos estudos descolaram do conceito obtuso de geração a partir de datas de nascimento, mas analisam o quanto as pessoas são conectadas e abertas a tecnologia e disrupção … ser de uma “geração” não é uma maldição inconteste, sinceramente? Tenho 51 e me considero um Y!

teoria das gerações

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s