Férias – bruschettas vegetarianas

Desde 2012 quando comecei o blog, posto anualmente uma dica culinária como forma de lembrar que cada um de nós é um só, tanto em casa quanto no trabalho o modelo mental é o mesmo – mais valor, menos desperdício, sustentável, etc.

Que tal dar oferecer vez em quando uma trégua para o fígado? Uma ceia frugal, que pode ser feita de diferentes formas com a mesma receita, variando um ou outro ingrediente-base, como abobrinha ou beringela.

Faça um refogado leve com o legume escolhido, que mais ou menos a gosto é picar um ou dois dentes de alho e uma cebola, coloque um pouco de óleo de boa qualidade na woki e coloque o alho para um minuto depois colocar a cebola.

20170109_201221

Assim que estiver no ponto que você curte, coloque o legume picadinho e refogue, quando o legume estiver al dente ou a gosto, podemos colocar aqueles complementos ao molho que a família curte, como um pimentão vermelho ou aji.

Na reta final é colocar um bom molho de tomate e algum tempero, como uma pimentinha do reino. Pode ser a pimenta vermelha do capeta como a que eu trouxe da Bahia, mas aí sugiro colocar uma gotinha no molho e misturar bem.

A montagem é simples, no exemplo abaixo é bem no estilo bruschetta, um fio de óleo de oliva, coloca o molho e cobre com queijo. Já fiz com aquele pãozinho italianinho pequeno, com um furo encima e ocado, queijo e papel alumínio.

20170109_201737

Enrolar em papel alumínio transforma o prato, assim como na foto fica bem crocante e sequinho, no papel alumínio fica diferente. Quando é bruschetta eu curto assim, mas no pão recheado eu prefiro enrolado no papel alumínio.

Quer bruschetta ou pãozinho recheado, fica uma delícia acompanhado de uma boa salada com folhas verdes, tomate, pepino e palmito temperadinha com oliva e aceto balsâmico. Sal é dispensável, mas tem quem curta uma pitada de sal rosa.

É uma refeição completa, mata a fome, é leve, saborosa e saudável. Fácil e rápido de fazer, tem tudo a ver com verão e inverno, porque é quente, mas é frugal. Dê uma folga para seu fígado vez em quando, faça um prato sem carne … pode ser que acabe curtindo alimentação, mesmo com menos de 1Kg de boi/dia.

20170109_201936

Bom proveito!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s